Vitória na Luz e empurrão em Munique. Benfica está nos oitavos da Champions

Águias venceram o Dínamo Kiev no Estádio da Luz por 2-0. Veja os golos.

O Benfica garantiu esta quarta-feira o apuramento para os oitavos de final da Liga dos Campeões, depois de vencer o Dínamo Kiev, por 2-0, na sexta jornada do grupo E, beneficiando de uma ajuda do Bayern Munique.

Logo aos 16 minutos, o Benfica fez um belo desenho pela esquerda, com Rafa a receber de João Mário e a devolver-lhe quando este entrou na área, indo à linha de fundo e cruzando para o desvio de Yaremchuk. Estava feito o primeiro.

O segundo golo do jogo surgiria aos 22 minutos, com Gilberto a aproveitar uma bola perdida na grande área ucraniana, após uma disputa a envolver João Mário. Rematou certeiro em direção ao canto superior da baliza e estreou-se a marca na Champions.

Antes do intervalo, aos 41 minutos, os adeptos do Benfica celebraram um segundo golo do Bayern Munique na receção ao Barcelona, marcado por Sané. Um jogo que os alemães acabariam por vencer, por 3-0, e que permitiu à equipa portuguesa ultrapassar os catalães.

Com estes resultados, o Bayern Munique, que venceu todos os jogos, termina em primeiro, com 18 pontos, com o Benfica em segundo com oito, o FC Barcelona, que segue para a Liga Europa, em terceiro com sete, e os ucranianos do Dínamo Kiev em quarto com um.

Logo no primeiro minuto, Rafa, com a baliza escancarada, falha inacreditavelmente. Aos 7 minutos, Vertonghen interceta um passe em desmarcação e impede Tsygankov de ficar com bola à mercê, solto, na grande área encarnada.

Num contra-ataque aos 10 minutos, Pizzi remata já dentro da área, bem servido por Rafa, mas o lance perigoso acaba num pontapé de canto. Cinco minutos depois, Yaremchuk é implacável e faz o primeiro golo para o Benfica na Luz.

Aos 22 minutos, Gilberto faz o segundo do Benfica. Estreia a marcar na Liga dos Campeões.

A dois minutos da primeira meia hora de jogo, as águias dominam a partida. Já perto do intervalo, aos 41 minutos, os adeptos do Benfica celebram um novo golo do Bayern Munique, que já vence por 2-0 na receção ao Barcelona. O árbitro dá dois minutos de compensação.

Intervalo!

Recomeça o jogo na Luz. Aos 50 minutos, Odysseas defende, com facilidade, um remate frouxo de Verbic. Sete minutos depois, grande ocasião de golo para o Dínamo de Kiev. Uma bomba de pé esquerdo de Mykolenko a sair ao lado.

O Barcelona perde por 3-0 em Munique e já só pensa no play-off. Um terceiro golo que não tem qualquer reação por parte dos adeptos nas bancadas da Luz. Aos 61 minutos, Gilberto sofre uma carga nas costas dentro da área ucraniana, mas o árbitro não entende como falta para grande penalidade.

Aos 74 minutos, Vlachodimos impediu que a bola entrasse na baliza do Benfica. Mais uma intervenção fulcral do guarda-redes. Mais uma vez, quatro minutos depois, o guardião das águias esticou-se e impediu, mais uma vez, golo dos ucranianos.

O árbitro dá quatro minutos de compensação. É o tempo que separa o Benfica dos oitavos da Champions. A um minuto do final, mais uma grande intervenção de Vlachodimos, desta vez com os pés. Termina o jogo na Luz, com alguns lenços brancos na bancada.

Onze do Benfica: Vlachodimos; André Almeida, Otamendi e Vertonghen; Gilberto, Weigl, João Mário e Grimaldo; Pizzi, Yaremchuk e Rafa.

Onze do Dínamo Kiev: Bushchan; Tymchyk, Zabarnyi, Syrota e Mykolenko; Sydorchuk, Shaparenko e Buyalskyi; Tsygankov, Garmash e Verbic.

Suplentes do Benfica: Helton Leite, Everton, Darwin, Meite, Seferovic, Diogo Gonçalves, Valentino, Taarabt, Paulo Bernardo, Gonçalo Ramos, Morato e Ferro.

Suplentes do Dínamo Kiev: Boyko, Shepeliev, Eric Ramirez, Shabanov, De Pena, Lednev, Andriyevskyi, Karavaev, Vitinho, Kulach, Shkurin e Antiukh.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de