Zaidu expulso e Evanílson estreia-se a marcar. FC Porto vence Gil Vicente no Dragão

Os dragões regressam às vitórias frente à equipa de Barcelos. Veja o golo.

O FC Porto regressou este sábado às vitórias, ao impor-se ao Gil Vicente com um golo solitário de Evanilson, no estádio do Dragão, em jogo da quinta jornada, e manteve o segundo lugar da I Liga.

Na estreia como titular, Evanilson deu, com um golo aos 41 minutos, o triunfo aos dragões, que ainda desperdiçaram uma grande penalidade, aos 59, com Denis a defender o remate de Uribe, e viram Zaidu ser expulso, por acumulação de amarelos, aos 74.

Após dois jogos sem vencer no campeonato, o FC Porto somou três pontos para manter o segundo lugar, com 10, dois atrás do líder Benfica, que só recebe o Belenenses SAD na segunda-feira, e em igualdade pontual com o Sporting, enquanto o Gil Vicente perdeu a sua invencibilidade na edição 2020/21 da I Liga, e é 12.º, com cinco pontos e menos um jogo.

Já rola a bola no Estádio do Dragão. Aos três minutos de jogo, remate distante de Lourency à figura de Marchesín. Nestes primeiros dez minutos de jogo é o FC Porto que tem tido mais presença no meio-campo do Gil Vicente, bem como domínio da posse de bola.

Quinze minutos e ainda não há oportunidades de golo. Aos 25 minutos, o Gil Vicente teve uma grande oportunidade de golo num contra-ataque de quatro para dois, mas Leauty perdeu muito tempo e já rematou contra Pepe. Um minuto depois, Zaidu vê cartão amarelo por uma má abordagem num lance com um adversário.

Aos 28 minutos esteve perto o golo do FC Porto depois de um bom cabeceamento de Toni Martínez. Valeu ao Gil Vicente a notável defesa de Denis. Um lance que nasceu de um trabalho de Corona no lado esquerdo. O primeiro golo do jogo surge aos 41 minutos na sequência de uma boa jogada dos azuis e brancos. Evanílson só teve de encostar e estrear-se a marcar.

É intervalo no Dragão!

Recomeça o FC Porto-Gil Vicente no Dragão. Alteração no FC Porto ao intervalo: saiu Toni Martinez e entrou Romário Baró. Aos 50 minutos, Fábio Vieira cobra um livre indireto à direita, mas a bola sai com demasiada força em direção ao segundo poste da baliza gilista.

Cinco minutos depois, um remate de Baró no interior da área acaba por ser desviado após bater em Ygor Nogueira e a bola sai pela linha de fundo. O lance do remate de Romário Baró vai ser analisado pelo VAR. Hélder Malheiro vai ver as imagens e assinala penálti. Uribe falhou! É uma grande defesa de Denis!

Aos 61 minutos, substituição no Gil Vicente: sai Lourency e entra Baraye. Quatro minutos depois, uma interceção de Rúben Fernandes evitou remate perigoso de Fábio Vieira, dentro da área, à baliza gilista. Pouco depois, surge um remate de primeira de Fábio Vieira na sequência de um cruzamento tenso de Corona para a entrada da grande área.

A 20 minutos do final, a equipa do FC Porto está com um pendor ofensivo superior à do Gil Vicente. Aos 73 minutos, Zaidu é expulso por falta sobre Joel. Os dragões ficam reduzidos a dez jogadores. Logo a seguir, Nakajima e Pepe tambêm veem um cartão amarelo cada um.

Aos 77 minutos, um remate de Izidoro ameaçou a baliza portista ao tocar levemente na barra. Seguem-se três alterações no FC Porto e uma no Gil Vicente. A cinco minutos do final, João Afonso é punido com cartão amarelo por falta sobre Sérgio Oliveira.

O árbitro dá sete minutos de compensação e Sérgio Conceição tira Corona e mete Marega em jogo.

Termina a partida!

Onze inicial do FC Porto: Marchesín, Manafá, Pepe, Mbemba e Zaidu; Uribe, Fábio Vieira, Corona, Nakajima; Evanílson e Toni Martínez.

Onze inicial do Gil Vicente: Denis; Joel, Rodrigo, João Afonso e Talocha; Samuel Lino, Lourency, Gonçalves e Rúben Fernandes; Leauty e Nogueira.

Suplentes do FC Porto: Diogo Costa, Taremi, Marega, Grujic, João Mário, Sérgio Oliveira, Felipe Anderson e Malang Sarr.

Suplentes do Gil Vicente: Fuzato, Souley, Renan Oliveira, Kanya, Vitor Carvalho, Baraye, Lucas Mineiro, Leandrinho e Ahmed.

Recomendadas

Patrocinado

Apoio de