João Sousa vai lutar por quinto título da carreira na final de Genebra

João Sousa vai enfrentar o norueguês Casper Ruud.

O tenista português João Sousa qualificou-se esta sexta-feira para a final do torneio de Genebra, com um triunfo fácil perante o francês Richard Gasquet, e no sábado vai lutar pelo quinto título da carreira frente ao norueguês Casper Ruud.

Nas meias-finais do torneio suíço, o número um nacional esteve irrepreensível frente ao experiente Gasquet, 75.º jogador do ranking ATP, impondo-se por expressivos 6-2 e 6-2, em uma hora e 16 minutos.

Naquele que foi o seu melhor encontro do ano, o vimaranense, de 33 anos, carimbou a qualificação para a sua 12.ª final no circuito ATP, na qual vai lutar pelo quinto cetro da carreira frente ao oitavo jogador mundial e campeão em título, que hoje bateu o norte-americano Reilly Opelka (18.º), com os parciais de 7-6 (7-2) e 7-5.

Finalista em Genebra em 2015, o melhor tenista português de sempre, atualmente na 79.ª posição da hierarquia mundial, exibiu hoje um nível de ténis elevado - ganhou 82% dos pontos no primeiro serviço -, cimentado por uma confiança inabalável, para garantir a vitória na 21.ª meia-final ATP que disputou.

Perante o olhar de Francisco Cabral, ao lado de quem, ainda hoje, vai lutar por um lugar na final de pares, Sousa não permitiu qualquer quebra de serviço ao antigo número sete mundial, de 35 anos, fechando o encontro logo no primeiro match-point.

O português vai procurar no sábado conquistar, pela primeira vez na sua carreira, dois títulos na mesma época, uma vez que este ano já ergueu o troféu em Pune, na Índia.

No palmarés de Sousa constam ainda os títulos em Kuala Lumpur (2013), Valência (2015) e em casa, no Estoril (2018).

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de