Chuva de golos. Benfica empata em Guimarães e deixa tudo em aberto na Taça da Liga

Águias estreiam-se na competição com um empate 3-3 frente aos vimaranenses. Veja os golos.

O Benfica empatou esta quarta-feira 3-3 em casa do Vitória de Guimarães, em jogo da segunda jornada do grupo A da Taça da Liga, ficando em boa posição para seguir em frente na prova.

Os vimaranenses entraram mal no jogo e o Benfica chegou ao primeiro golo num lance de infelicidade de Alfa Semedo. Na sequência de um canto, Otamendi desviou ao primeiro poste e o jogador do Guimarães, de forma involuntária, cabeceou para a própria baliza.

Oito minutos depois, Pizzi isolou-se na área, depois de ser assistido por Everton, da faixa esquerda. O médio temporizou, rematou cruzado, rasteiro e certeiro com o pé esquerdo, colocando a bola no fundo das redes.

O V. de Guimarães iria reduzir a desvantagem aos 22 minutos. Rochinha trabalhou bem pela esquerda, cruzou para o centro da área e André André, na insistência, atirou para o fundo da baliza encarnada.

Perto da primeira meia hora de jogo, Radonjic, assistido por Pizzi à entrada da grande área, fintou Borevkovic e, perante o carrinho de Alfa Semedo, rematou com estrondo ao canto superior da baliza à guarda de Bruno Varela e fez o 3-1.

Nos últimos segundos da primeira parte, o Vitória voltou a reduzir. Estupiñán saltou entre os centrais do Benfica e cabeceou para o golo.

Numa segunda parte totalmente dominada pelos vimaranenses, aos 83 minutos Bruno Duarte controlou a bola à boca da baliza, na sequência de um cruzamento de Lameiras, ganhou alguma altura e cabeceou para o fundo da baliza à guarda de Helton Leite.

Com este empate, o Benfica sobe à segunda posição, com um ponto, mas ficou em boa posição para seguir em frente, uma vez que é claro favorito para vencer na terceira jornada na receção ao Sporting da Covilhã, da II Liga, num jogo agendado para 15 de dezembro.

Enquanto os serranos estão já de fora da discussão, os vitorianos ainda têm alguma esperança de seguirem em frente, mas, para isso, precisam que o Benfica não vença na receção ao Covilhã, ou que, vencendo, o resultado seja pior do que o 2-0 registado pelo Vitória de Guimarães frente aos covilhanenses.

Pizzi é apanhado em fora de jogo logo no primeiro minuto do jogo. Pouco depois, um remate de primeira de Radonjic esteve quase a dar o primeiro golo ao Benfica! Taarabt lesionou-se, logo neste início de jogo, mas vai continuar a jogar apesar de estar a coxear um pouco.

Aos 8 minutos, o Benfica chega à vantagem num lance de infelicidade de Alfa Semedo, que cabeceou para onde não queria e fez autogolo.

Taarabt acabou por sair, lesionado, e deu lugar a João Mário. O Vitória volta a entrar muito mal no jogo. Aos 14 minutos, Pizzi aumentou a vantagem dos encarnados para 2-0.

Aos 19 minutos, João Mário ficou cara a cara com Bruno Varela e obrigou o guarda-redes do Vitória a uma defesa difícil. À segunda, André André fez o golo do Vitória e reduziu a desvantagem para 2-1.

Radonjic, a três minutos dos 30, fez o 3-1. Um lance muito bem trabalhado dentro da área e, no momento de rematar, o sérvio não hesitou. Eficácia quase total do Benfica com quatro remates e três golos.

Pizzi está a fazer um bom jogo. O árbitro dá dois minutos de compensação antes do intervalo. A segundos do intervalo, Estupiñán, de cabeça, deu a melhor sequência ao cruzamento de Sacko. Que grande primeira parte no Afonso Henriques. O jogo segue agora para o intervalo.

Recomeçou o jogo em Guimarães. Aos 46 minutos, Everton fez uma grande assistência para Pizzi, que tentou colocar a bola fora do alcance de Bruno Varela, mas a bola passou a rasar a baliza do guardião do Guimarães. É o Benfica que entra também melhor nesta segunda metade do jogo.

Aos 48 minutos sai forte um remate de Edwards. O Guimarães está a responder bem aos encarnados. Hélder Sá, aos 64 minutos, dispara, mas a bola vai para a bancada. Aos 69 minutos, Estupiñán marcou, mas o golo foi anulado por fora de jogo.

Um minuto depois, Ricardo Quaresma atirou à trave. Sacko cabeceou, aos 71 minutos, mas a bola ainda bateu num adversário e sai para canto. Aos 83 minutos, Bruno Duarte aproveitou da melhor maneira um lance aéreo dividido com o guarda-redes Helton Leite e empatou o jogo.

Gonçalo Ramos, aos 89 minutos e já dentro da área, tenta passar a bola a Yaremchuk, mas um jogador do Guimarães interceta o passe para canto. O jogo está animado no Afonso Henriques. O árbitro dá cinco minutos de compensação. Terminou o jogo em Guimarães. Benfica e vitória empataram a 3 bolas.

Onze do Vitória de Guimarães: Bruno Varela; Sacko, Borevkovic, Mumin e Hélder Sá; André Almeida, Alfa Semedo e André André; Rochinha, Estupiñán e Marcus Edwards.

Onze do Benfica: Helton Leite; Lucas Veríssimo, Otamendi e Morato; Radonjic, Taarabt, Meité e Grimaldo; Pizzi, Gonçalo Ramos e Everton.

Suplentes do V. Guimarães: Trmal; André Amaro, Maga, Tomás Handel, Tiago Silva, Janvier, Ricardo Quaresma, Rúben Lameiras e Bruno Duarte.

Suplentes do Benfica: Svilar; Gilberto, Vertonghen, Diogo Gonçalves, Ferro, João Mário, Rafa, Weigl e Yaremchuk.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de