Bruxelas vai fornecer robôs que desinfetam salas em 15 minutos a hospitais na UE

Robôs controlados por operadores utilizam luz ultravioleta para desinfetar espaços hospitalares.

A Comissão Europeia anunciou esta segunda-feira que vai adquirir 200 robôs de desinfeção, que entregará a hospitais de toda a União Europeia, como parte dos seus esforços para ajudar os Estados-membros a combater a propagação da pandemia da Covid-19.

De acordo com o executivo comunitário, a aquisição dos robôs, que será financiada pelo Instrumento de Apoio de Emergência, que reserva um orçamento de até 12 milhões de euros para o efeito, dá resposta a uma das necessidades expressas pelas unidades hospitalares, que deverão receber os robôs "nas próximas semanas".

"Os hospitais da maioria dos Estados-Membros expressaram a necessidade e interesse em receber estes robôs, que podem desinfetar salas de doentes padrão, utilizando luz ultravioleta, em apenas 15 minutos, e assim ajudar a prevenir e reduzir a propagação do vírus. O processo é controlado por um operador, que estará localizado fora do espaço a ser desinfetado, a fim de evitar qualquer exposição à luz ultravioleta", explica a Comissão.

Comentando esta iniciativa, a vice-presidente executiva da Comissão Margrethe Vestager, que tem a pasta do Digital, sublinhou que "o desenvolvimento de tecnologias pode criar forças de mudança e um bom exemplo disso são os robots de desinfeção", que pode efetivamente ajudar os hospitais na Europa a "reduzir o risco de infeção, um passo importante para conter a propagação do coronavírus".

A pandemia de Covid-19, doença transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China, provocou pelo menos 1.381.915 mortos resultantes de mais de 58,1 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 3.897 pessoas dos 260.758 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Na Europa, o maior número de vítimas mortais regista-se no Reino Unido (55.024 mortos, mais de 1,5 milhões de casos), seguindo-se Itália (49.823 mortos, mais de 1,4 milhões de casos), França (48.265 mortos, mais de 2,1 milhões de casos) e Espanha (42.619 mortos, mais de 1,5 milhões de casos).

LEIA AQUI TUDO SOBRE O NOVO CORONAVÍRUS

Recomendadas

Patrocinado

Apoio de