Mais de 30 militares dos EUA com lesões cerebrais após ataque do Irão

A informação foi confirmada por um porta-voz do Pentágono.

Pelo menos 34 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque levado a cabo pelo Irão, no início deste mês a uma base dos EUA, no Iraque. A informação foi confirmada por um porta-voz do Pentágono.

Inicialmente, o Presidente Donald Trump explicou que nenhum militar ficou ferido após o ataque à base de Ain al-Asad, no oeste do Iraque, embora as autoridades tenham admitido, mais tarde, que 11 soldados tinham ficado feridos.

O ataque a esta base foi a retaliação de Teerão à morte do general Qassem Soleimani, morto por ataque de drone ordenado por Donald Trump.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de