"Não temos escolha." TikTok anuncia processo à administração Trump

O TikTok diz que a Administração ignorou os esforços para ir ao encontro das preocupações norte-americanas.

O TikTok apresentou esta segunda-feira um processo contra a Administração norte-americana e o Presidente Donald Trump. A empresa chinesa de partilha de vídeos garante que "não teve escolha" depois da ordem executiva assinada pelo chefe de Estado para banir os negócios do gigante tecnológico chinês nos Estados Unidos.

Numa publicação no site da aplicação, o TikTok diz que discorda "fortemente" da posição da Casa Branca sobre a empresa, considerando-a uma ameaça à segurança norte-americana.

"Não processamos um Governo de forma leviana (...), mas a ordem executiva que ameaça banir as nossas operações nos Estados Unidos... simplesmente deixaram-nos sem escolha", afirma o TikTok.

A Casa Branca não comentou ainda este assunto, escreve a agência Reuters, remetendo para o Departamento de Justiça dos Estados Unidos da América.

Recomendadas

Patrocinado

Apoio de