Vacina da Moderna para combater variante sul-africana da Covid-19 está pronta

A vacina já foi enviada a vários institutos de saúde norte-americanos para o início dos testes clínicos.

A vacina da Moderna com alterações feitas especificamente para combater também a variante sul-africana da Covid-19 está pronta e foi, esta quarta-feira, enviada a vários institutos de saúde norte-americanos para o início dos testes clínicos. Esta estirpe do SARS-CoV-2 é considerada uma das mais perigosas mutações do vírus, uma vez que consegue contornar as ações de bloqueio erguidas pelos anticorpos criados para combater o vírus original.

A vacina da Pfizer, por sua vez, está a demonstrar ter uma eficácia de 94% face ao coronavírus, segundo um estudo em que participa boa parte da população de Israel. Esta investigação, publicada esta quarta-feira no New England Journal of Medicine, contou com a participação de 1,2 milhões de israelitas.

Os resultados deste inquérito foram recolhidos entre o final de dezembro e 1 de fevereiro. Uma altura em que a variante inglesa estava a crescer de forma descontrolada em Israel, sublinham os autores do estudo.

LEIA AQUI TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de