Fogo Fogo: a chama do funaná em novo álbum com capa de Vhils

Autêntica homenagem às raízes musicais de Cabo Verde, sai hoje o novo trabalho dos Fogo Fogo, intitulado "Fladu Fla". Com letras em crioulo e ritmos exóticos, ninguém diria que se trata de uma banda portuguesa.

"Diz que sim", "está a dar que falar". Fladu fla é uma espécie de "diz que disse" em crioulo de Cabo Verde. Há falatório sobre os Fogo Fogo o meio nacional e chegou a hora do álbum. Música temperada com grogue e cachupa, mas também incisiva para com as injustiças sociais, enaltecedora do imaterial.

Depois de alguns lançamentos com versões para originais dos Bulimundo, Ferro Gaita e outros nomes maiores do funaná, os Fogo Fogo lançam um disco praticamente só com material próprio. Falamos de músicos portugueses com experiência em projetos como Cool Hipnoise, Orelha Negra ou Diabo Na Cruz, sendo Danilo Lopes o único cabo-verdiano, mas já a viver em Portugal há bastante tempo.

Fogo Fogo vai buscar energia escaldante às entranhas da Ilha do Fogo e não é só funaná e festa. Há uma natureza humanista, quase de intervenção; num caldo lusófono que também se cozinha com funk, psicadelismo, reggae ou dub. Essa consciência libertária está plasmada na capa de "Fladu Fla" da autoria de Alexandre Farto, mais conhecido como Vhils, com referências a Amílcar Cabral, Zeca Afonso, José Mário Branco ou Jimi Hendrix, onde também cabe um avião da TACV.

Quisemos conhecer melhor as raízes deste coletivo que foi ganhando andamento nas matinés da Casa Independente em Lisboa. Para tal, conversámos com o baixista Francisco Rebelo e com o guitarrista e vocalista David Pessoa, dois dos cinco elementos do coletivo.

"Fladu Fla", o disco que lançam por estes dias, contém mais um bom rol de razões para não resistir ao pezinho de dança. Agora que o pior da pandemia parece já ter passado, começam a surgir as datas dos concertos. Poderá ver os Fogo Fogo nos dois primeiros fins-de-semana de outubro, nos festivais FNAC Live e Iminente, ambos em Lisboa, e depois, a 15 de outubro, no Hard Club do Porto.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de