Líder do PAN espera "dia histórico" com eleição de primeiro vereador

Estas são as primeiras eleições de Inês de Sousa Real como líder do PAN, depois de ter substituído André Silva no cargo.

A porta-voz do PAN estimou, este domingo, que o partido vai ter um "dia histórico" nestas eleições autárquicas, com a eleição do seu primeiro vereador, e sublinhou a importância das decisões do poder local na vida dos portugueses.

Paula Inês Alves de Sousa Real foi o nome chamado às 11h26 na secção de voto n.º 50 da Escola Básica do 2.º e 3.º ciclos de Telheiras, na freguesia do Lumiar, em Lisboa.

"Estamos muito confiantes. Achamos que hoje vai ser um dia histórico para o PAN e que vamos, finalmente, ter a oportunidade de ter uma vereação e de pôr em prática aquilo que tem sido o ideário do PAN. [...] Hoje será uma viragem para a vida autárquica do partido", afirmou aos jornalistas, pouco depois de exercer o seu direito de voto.

A líder do partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) disse esperar que este ano se consiga combater a abstenção "de forma mais considerável", apelando para que as pessoas votem ao longo do dia, tendo em conta a "importância do poder local e as decisões que isso implica" na vida dos portugueses.

Estas são as primeiras eleições de Inês de Sousa Real como líder do partido, depois de ter substituído André Silva como porta-voz do PAN, em junho deste ano.

As mesas de voto das eleições autárquicas abriram esta manhã às 8h00 no continente e na Madeira para a escolha dos dirigentes dos municípios e das freguesias para os próximos quatro anos.

Nos Açores, as urnas abrem e fecham 60 minutos depois das mesas do continente e da Madeira, devido à diferença horária de menos uma hora.

Mais de 9,3 milhões de eleitores (9.323.688 cidadãos inscritos) podem votar nestas eleições autárquicas, segundo os dados do recenseamento disponibilizados pela Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna (MAI).

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de