"Casa Aberta" para maiores de 12 anos, Portugal é 6.º país da UE com mais novos casos e outros destaques TSF

A task force esclareceu que será para todos os utentes que possam levar a vacina da Janssen.

Quem tem mais de 12 anos e ainda não foi vacinado vai poder tomar a primeira dose da vacina sem agendamento a partir da próxima terça-feira, através do sistema "Casa Aberta", no centro de vacinação do local onde estiver inscrito no centro de saúde, que normalmente corresponde ao da área de residência, anuncia o Ministério da Saúde. A task force esclareceu, no entanto, que será para todos os utentes que possam levar a vacina da Janssen.

Portugal passou esta semana de quinto para sexto país da União Europeia com mais novos casos de infeção por SARS-CoV-2, com uma média diária de 225 por milhão de habitantes nos últimos sete dias, segundo o site Our World in Data.

Mais de 16 600 pessoas com a vacinação completa contra a Covid-19 foram infetadas pelo vírus SARS-CoV-2 desde janeiro, o que representa 0,3% do total de vacinados, anunciou esta segunda-feira a Direção-Geral da Saúde.

A Proteção Civil admite "uma preocupação acrescida" para os próximos dias, para os quais se preveem "fogos com progressão muito rápida" dado o "cocktail meteorológico que em nada favorece as forças no terreno".

Nos EUA, a agência norte-americana do medicamento, FDA (Food and Drug Administration), anunciou a aprovação total da vacina da Pfizer/BioNTech contra a Covid-19 para pessoas com 16 ou mais anos. A vacina era distribuída no país ao abrigo de uma aprovação para uso de emergência, autorização idêntica às das restantes vacinas nos EUA e também na Europa.

A Human Rights Watch (HRW) tem recebido uma enchente de pedidos de ajuda de pessoas que querem sair do Afeganistão. Heather Barr, codiretora da divisão de direitos das mulheres da organização, conta à TSF que não tem mãos a medir.

O Benfica joga na terça-feira com o PSV Eindhoven e, na antevisão ao encontro, o treinador Jorge Jesus disse que as águias vão disputar a segunda mão do play off da Liga dos Campeões "com uma ideia vencedora" e com confiança.

Mais de 500 toneladas de material médico, incluindo equipamento cirúrgico e kits para combater a desnutrição grave, que deveriam ser entregues esta semana no Afeganistão, estão presos à entrada do país devido às restrições no aeroporto de Cabul, informou a Organização Mundial de Saúde.

Um hospedeiro da companhia aérea Ryanair, em isolamento profilático à Covid-19, denunciou que há um foco da doença na base do Porto, lamentando que a empresa não obrigue a testar tripulantes antes de cada voo.

Nos Jogos Paralímpicos de Tóquio há uma dupla participação brasileira que tem mais marcas portuguesas que todas as outras. Jane Karla e Lethícia são mãe e filha, e diariamente treinam contra as dores e pela ambição de participar nos jogos em duas modalidades diferentes.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de