Governo Sombra

Eles querem, podem, mas não mandam! Ricardo Araújo Pereira, Pedro Mexia e João Miguel Tavares - num programa moderado por Carlos Vaz Marques - são o Governo Sombra. Um governo que não decide. Uma equipa ministerial sem consenso. Um conselho de ministros que convive bem com as fugas de informação. Semanalmente, passam a atualidade em revista, examinam à lupa os dossiês, interpelam os protagonistas sem rodeios.
Domingo, depois das 11h00. À segunda-feira, depois das 13h00 em versão compacto

RAP pergunta se o dinheiro de Sócrates terá ido para um príncipe da Nigéria

O cofre da mãe de Sócrates, com um milhão de contos, feijões mágicos e outras "mirabolâncias", foram assunto no Governo Sombra desta semana.

Esta semana, durante a instrução do processo Marquês, surgiram novas revelações sobre as alegadas origens do dinheiro de José Sócrates: a mãe do antigo Primeiro-ministro terá herdado um milhão de contos (cinco milhões de euros) na década de oitenta, dinheiro que guardou num cofre, e que está hoje na posse de José Sócrates.

"Depois do amigo generoso, a mãe milionária. Será sorte ou talento?" - perguntou o moderador Carlos Vaz Marques a Ricardo Araújo Pereira durante a emissão do Governo Sombra desta semana. O humorista responde que a "maior fonte de perplexidade" em toda esta história é a infantilidade com que a família de Sócrates parece lidar com dinheiro: "A mãe tinha cinco milhões e... "Onde estão? Ah!" - Ele torrou cinco milhões da mãe, depois já estava a torrar meio milhão de um amigo... Parecem crianças a dizer: "Há aqui uns papéis mágicos! Que servem para comprar coisas, a gente entrega o papel numa loja, e as pessoas dão-nos coisas, a troco disto" - satiriza.

Ricardo Araújo Pereira diz também que, em termos de fantasia e de "mirabolância" só falta Sócrates dizer a Ivo Rosa: "Sabe, Dr. Juiz, desses cinco milhões da minha mãe, um milhão eu dei a um senhor que me deu seis feijões. Ele disse-me que o feijoeiro ia crescer até ao céu, e eu acreditei nele e tal, dois milhões foram para um senhor que me mandou um email, que é príncipe da Nigéria..." - ironiza o humorista.

A emissão completa do Governo Sombra, para ver ou ouvir, sempre em tsf.pt.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados