Açores querem criar locais de ensaio para tecnologias espaciais

Conferência que decorre este mês irá permitir um "amplo debate" sobre as potencialidades e necessidades dos Açores.

O Governo dos Açores pretende instalar no arquipélago locais de ensaio para tecnologias espaciais e dar início à comercialização de atividades nesta área, revelou esta quarta-feira a secretária regional da Cultura, Ciência e Transição Digital, Susete Amaro.

"Acreditamos que a região tem algumas vantagens comparativas, como o desenvolvimento de aplicações com base em dados espaciais e a instalação de locais de ensaio para tecnologias espaciais", destacou a governante, durante uma conferência de imprensa, realizada na cidade da Horta, para apresentação do programa da Conferência Internacional sobre a Estratégia dos Açores para o Espaço, que vai decorrer em 11 e 12 de novembro, no Teatro Micaelense, em Ponta Delgada.

Segundo Susete Amaro, esta conferência internacional, que contará com a presença de dezenas de oradores nacionais e estrangeiros, irá permitir um "amplo debate" sobre as potencialidades e necessidades dos Açores, para projetarem o setor do espaço "como nova área ao serviço da região".

"O principal objetivo da Estratégia dos Açores para o Espaço (EAE) é transformar os Açores num hub transatlântico para as atividades aeroespaciais, identificando as especificidades e capacidades das diferentes ilhas do arquipélago açoriano, as áreas prioritárias a desenvolver e as alavancas para a sua implementação", justificou a titular da pasta da Ciência na região.

A governante adiantou que a EAE tem sido desenvolvida ao longo dos últimos meses, através da Estrutura de Missão dos Açores para o Espaço, com a ajuda de três consultores externos e vários parceiros regionais e nacionais, com o objetivo de propor um documento que promova a visão, a missão e os objetivos para dinamizar o setor aeroespacial na região a médio e longo prazo.

"A Estratégia dos Açores para o Espaço está alinhada com os objetivos e eixos da Estratégia Nacional 'Portugal Space 2030' e do Programa Europeu para o Espaço, visando aproveitar as oportunidades que o setor aeroespacial oferece para o desenvolvimento económico e social dos Açores, bem como explorar o potencial da região, em termos de geolocalização, infraestruturas, recursos humanos e naturais", realçou a governante.

A Conferência Internacional Sobre a Estratégia dos Açores para o Espaço vai decorrer em 11 e 12 de novembro no Centro Cultural e de Congressos de Ponta Delgada (Teatro Micaelense) e irá contar com a participação de 34 oradores portugueses, 17 de outros países da Europa, três dos Estados Unidos da América, dois do Canadá e um de África do Sul.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de