Análise aos Bose Frames Alto: auscultadores sem igual e com som surpreendente
Mundo Digital

Análise aos Bose Frames Alto: auscultadores sem igual e com som surpreendente

Esqueça tudo o que acerca de auscultadores. Nada disso se aplica aos Bose Frames Alto.

Os Bose Frames Alto são um dispositivo que para além de permitirem ouvir-se música, são ainda auriculares que recebem e fazem telefonemas, mas também são capazes de comunicar com o assistente Google. Feitas as contas fazem quase tudo o que os rivais fazem, mas a realidade é que os Bose Frames não se parecem com nenhum dos competidores.

São óculos de sol e auscultadores. Tudo ao mesmo tempo. Veja a análise no vídeo abaixo.

É através de três aberturas em cada uma das hastes que o som é canalizado para o ouvido. Não há cancelamento ativo de ruído, mas neste tipo de design não é isso que se pretende. Aliás, um dos enormes ganhos trazidos por estes auscultadores é que podemos estar na praia a ouvir o mar e, ao mesmo tempo, a ouvir as músicas que gostamos.

Tudo sem incomodar a pessoa que está ao nosso lado. Aliás, dá para ouvir a música a um volume tal que quem estiver à nossa volta não faz ideia que os óculos estão a debitar som.

Claro que as hastes são um pouco mais largas do que é habitual nos óculos, mas os ganhos ultrapassam em larga escala esse detalhe. E quem tem cabelo comprido, nem vai notar esse problema.

Quase tudo é positivo, mas...

Mas há uma altura em que estamos a passear na rua e atendemos o telefone e conversamos com o interlocutor a partir dos óculos. Ora, é garantido que nessas ocasiões vamos receber uns olhares de lado.

É demasiado estranho ver alguém (aparentemente) a falar sozinho. Convém que o utilizador dos Bose Frames tenha alguma capacidade de encaixe, caso contrário vai começar a deixar estes auscultadores em casa. Ou pelo menos, a não atender telefonemas através deles.

Um não-problema

Até agora era impossível comprar estes óculos com lentes graduadas. Ainda é, na verdade. A boa notícia é que o distribuidor em Portugal está a fechar um acordo para os vender numa cadeia nacional de oculistas e eles (e só eles) terão autorização para os vender com lentes graduadas. O anúncio ainda não foi feito oficialmente, mas ao que tudo indica vai acontecer ainda em Agosto.

E o som?

O som claro que não é o melhor do mundo. É bastante bom e com uma qualidade muito superior aquela que se poderia estar à espera, mas a verdade é que se a música estiver muito alta há alguma distorção (e a própria estrutura do óculos vibra). No entanto, se optar por ouvir a música a níveis "normais" então vai ficar bastante satisfeito. Falta um pouquinho de graves, mas é improvável que isso incomode a maioria dos utilizadores.

Custam cerca de 200 euros, mas é fácil encontra-los mais baratos online.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de