Que confusão é esta entre o Motorola G30 e o G50?

No mundo da tecnologia é mais ou menos evidente que, se no nome de um produto está um número, o seu sucessor recebe um número acima.

É isso que acontece, por exeplo com os iPhones: 10, 11, 12 e agora 13.

Assim, onde a coisa pode complicar é na designação de uma mesma família de telemóveis. Por exemplo, a Samsung lança sempre ao mesmo tempo as séries A50 e A70. Mas também aí o utilizador sabe que o A71 é melhor que o A51. Ou que o A72, que é o modelo atual, é superior ao A52.

Ora, daí a estranheza com a opção tomada pela Motorola.

A fabricante lançou recentemente o Moto G30 e o Moto G50, e o dispositivo com o número mais baixo é, na prática, melhor do que o seu irmão.

Basta ver que o G50 tem 4GB de RAM, ao passo que o G30 tem 6GB. Na bateria o G30 também se destaca pois carrega mais rapidamente. Isto sem referir a questão do sistema fotográfico.

Nas câmeras, o Moto G30 é mais versátil que o Moto G50. Não só o sensor principal é melhor, como até tem mais uma lente: uma ultra grande angular.

No entanto, as contas não são assim tão fáceis. Tanto assim que o G50 é o único dos dois que é 5G.

Por isso mesmo e porque há muito para refletir no momento da compra de um destes smartphones de gama de entrada, assista à análise completa no vídeo acima.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de