Um Tesla por 20 euros? Sim, é possível, mas...

É possível, mas é obrigatório baixar muito as expectativas. É melhor mesmo baixa-las para uma escala de 1:64. Há também uma versão que custa cerca de 400 euros. Mas também aí é melhor não sonhar alto.

Em causa está a Cybertruck, uma carrinha anunciada há uns meses pela Tesla cuja comercialização deve começar a meio de 2021. Mas esse é o veículo a sério.

Estas alternativas, que custam ou cerca de 20 ou de 400 euros, chegam a tempo do Natal, são edições limitadas que nunca mais voltarão a ser feitas, mas não passam de carros telecomandados feitos pela Mattel.

O modelo à escala de 1:10 é descrito como sendo feito a pensar em quem tem "o bichinho dos veículos telecomandados" e à semelhança da carrinha que lhe serviu de inspiração pode ser pilotada em regime "todo-terreno".

Os faróis da frente e os de trás funcionam. Vem até com dois modos de condução: "descontra" e "desportivo".

A mostrar o quão fiel é este modelo, ele inclui ainda a rampa que está escondida na porta traseira do Cybertruck e também um autocolante que permite imitar os vidros partidos durante a famosa apresentação ao mundo do veículo.

Já a versão à escala 1:64 - que tem um tamanho de um daqueles carrinhos para os miudos brincarem - essa apenas vem com os dois modos de condução e nada mais.

A pré-venda já começou. Qualquer um deles é muito mais barato que o Cybertruck original. Essa carrinha vai custar cerca de 40 mil euros.

Outras Notícias

Patrocinado

Apoio de

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de