NASA divulga primeiras imagens da aterragem e sons inéditos de Marte. Veja os vídeos

A Agência Espacial Norte-Americana (NASA) apresentou esta segunda-feira as mais recentes novidades que chegaram do planeta vermelho.

O mundo conseguiu ver, esta segunda-feira, o primeiro vídeo captado pelo robô "Perseverance" em Marte, durante a aterragem. Estes novos materiais recolhidos no planeta vermelho foram mostrados pela primeira vez numa conferência de imprensa que pode ver, em direto, no vídeo acima.

O momento da aterragem foi captado por câmaras de alta definição, a bordo do robô. Começaram a gravar quando o "Perseverance" estava a 11 quilómetros da superfície, mostrando a abertura do paraquedas e terminando com a aterragem na superfície.

"São imagens fantásticas da superfície de Marte. Estas imagens fazem parte da história da JPL. Agora finalmente temos uma vista de primeira fila para o que chamamos de 'os sete minutos de terror' enquanto pousamos em Marte. Desde a abertura explosiva do paraquedas à poeira e detritos a voar, é absolutamente inspirador", afirmou Mike Watkins, diretor do Jet Propulsion Laboratory (JPL).

Já Steve Jurczyk, administrador interino da NASA, sublinhou que o "Perseverance" já recolheu algumas das imagens mais icónicas da história.

"Para aqueles que perguntam como é que se aterra em Marte - ou porque é tão difícil e como seria bom fazê-lo -, não precisam de procurar mais. O 'Perseverance' está apenas a começar e já forneceu algumas das imagens mais icónicas da história da exploração espacial. Reforça o notável nível de engenharia e precisão necessários para construir e fazer um veículo voar para o planeta vermelho", reconheceu Steve Jurczyk.

Além da aterragem, a NASA mostrou também a primeira gravação de áudio captada no planeta vermelho. O microfone ligado ao robô não recolheu sons durante a descida, mas outro dos microfones funcionou e obteve sons, captados já na superfície, a 20 de fevereiro. Foi possível ouvir, por alguns segundos, a brisa marciana, acompanhada pelos sons mecânicos do robô a trabalhar na superfície de Marte. Áudios que os responsáveis pela missão espacial classificaram como "esmagadores".

Dave Gruel, responsável pelo conjunto de câmaras que fazem parte do "Perseverance", explicou a função de cada uma das objetivas do robô.

"Infelizmente não recolhemos áudio durante a aterragem, mas as reações às imagens que recolhemos são incríveis. Estamos muito ansiosos por partilhá-las convosco", afirmou, antes de começarem a mostrar o vídeo inédito da aterragem em Marte.

O robô de seis rodas tem estado, esta segunda-feira, a verificar se todos os seus sistemas e instrumentos funcionam corretamente.

"Este vídeo da descida do 'Perseverance' é o mais próximo que podemos chegar de pousar em Marte. Deve tornar-se obrigatório não só para as jovens mulheres e homens que querem explorar outros mundos e construir uma nave espacial que os levará para lá, mas também para todos os que querem fazer parte das diversas equipas que alcançarão todos os objetivos audaciosos no nosso futuro", acrescentou Thomas Zurbuchen, administrador da NASA.

Em Marte, o robô "Perseverance" ("Perseverança", em português) procura evidências de vida que possa ter existido no planeta, além da recolha de amostras de solo e de rochas que deverão chegar à Terra dentro de uma década. A Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço (NASA) equipou o veículo que viajou até ao planeta vermelho com 25 câmaras e dois microfones, que foram ligados enquanto atravessava a atmosfera do planeta.

O robô "Perseverance" aterrou na passada quinta-feira, pelas 20h56 de Lisboa, na superfície de Marte. As operações estiveram a ser coordenadas a partir do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA, em La Cañada Flintridge, na Califórnia, EUA.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de