Xiaomi apresenta smartphone topo-de-gama por €750
futuro

Xiaomi apresenta smartphone topo-de-gama por €750

Há anos que a história se repete: os smartphones da série Mi da Xiaomi são aqueles que mais rapidamente são postos à venda a um preço tentador.

Em 2021, essa rapidez na chegada ao mercado está a ser ainda maior. Tanto assim que, ao que tudo indica, em Portugal e mesmo na Europa, os novos Xiaomi Mi 11 vão ser os primeiros smartphones a incluirem o mais recente processador Snapdragon 888, o mais evoluido da atualidade.

Smartphones que são topo de gama, mas à escala da Xiaomi, bem entendido. Onde é evidente que estes equipamentos não conseguem fazer frente aos novos Sasmung Galaxy S21 é no departamento das câmeras. A fabricante chinesa até aposta bastante nesse campo, mas na pratica gasta os trunfos todos com o sensor principal, que é de 108MP, quase esquecendo o resto. E o que sobra é uma lente ultra grande angular de 13MP e uma telemacro, uma novidade absoluta num smartphone, mas que se arrisca a ser tão inútil quanto as lentes macro habituais.

O ecrã é de 6,8 polegadas, OLED com uma taxa de atualização a 120Hz. E aqui que reside uma das surpresas destacadas no vídeo acima.

Os novos Xiaomi Mi 11 são 5G, claro, têm WiFi 6E e bluetooth 5.2. Especificações bastante atuais.

De resto, a outra grande surpresa está reservada para o campo da bateria. Quando já todos admitiam que a Xiaomi fosse imitar o passo dado pela Apple nos iPhone 12, a marca chinesa não o fez. Pelo menos no que à Europa diz respeito.

É só mais para o final de fevereiro que serão postos à venda. O modelo com 128GB de armazenamento vai custar 750 euros, já o aquele que dispões de uns mais generosos 256GB vai ser posto à venda a 800 euros. Qualquer um deles tem 8GB de memória RAM.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de