Polícia Marítima portuguesa resgata 31 migrantes no mar Egeu

Migrantes foram transportados para Skala Skamineas (ilha de Lesbos), onde foram entregues às autoridades gregas.

A equipa da Polícia Marítima portuguesa, em missão na Grécia, resgatou hoje de madrugada 31 migrantes, designadamente 11 homens, seis mulheres e 14 crianças, incluindo três recém-nascidos.

Segundo adianta a Polícia Marítima, a equipa na viatura de vigilância costeira detetou uma embarcação cerca das 03h30, tendo passado as coordenadas à equipa na embarcação "Tubarão", que confirmou que se tratava de um bote com 31 migrantes a bordo.

Os migrantes foram transferidos para a embarcação da Polícia Marítima e transportados para Skala Skamineas (ilha de Lesbos), onde desembarcaram e foram entregues às autoridades gregas em segurança.

Desde 2014, quando iniciou a sua participação na missão Poseidon, a Polícia Marítima contabiliza 5.834 pessoas salvas.

A Polícia Marítima está integrada na operação Poseidon, sob égide da agência europeia Frontex e em apoio à Guarda Costeira grega, para controlar e vigiar as fronteiras marítimas gregas e externas da União Europeia, no combate ao crime transfronteiriço, no âmbito das funções de guarda costeira europeia.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de