Estreia mundial de "Zé Pedro Rock'n'Roll" no DocLisboa

O filme realizado por Diogo Varela Silva é uma das estreias mundiais da secção Heart Beat, do Doclisboa. O festival começa a 17 de outubro.

"Zé Pedro, o lendário guitarrista dos Xutos e Pontapés, é a maior figura do rock n' roll português, tendo sido o seu grande impulsionador, não só enquanto guitarrista fundador da maior banda nacional de sempre, mas também através na divulgação do género como crítico de música, radialista e dono do Johnny Guitar, mítico clube Lisboeta e sala de concertos, onde tantas e tantas bandas deram os primeiros passos", pode ler-se na sinopse do documentário.

O filme de Diogo Varela Silva utiliza arquivos públicos e pessoais para ilustrar a história de Zé Pedro, dos Xutos e Pontapés, e também a história do rock em Portugal, e é um dos destaques da secção musical do Doclisboa .

Na produção nacional, a secção estreia ainda "The Bridge", de Paulo Raposo, sobre um grupo de artistas que se propôs à criação de uma intervenção sonora numa pequena ponte sobre o rio Andelle (Normandia), "Ensaio de Amor", de Zé G. Pires, que acompanha os atores do Grupo Crinabel, e "The Sound of Masks", de Sara Gouveia, numa viagem que cruza o passado colonial de Moçambique com o presente do país e que nos apresenta a dança mapico.

A nível internacional, o Heart Beat apresenta "The Quiet One", sobre a vida e carreira de Bill Wyman, membro fundador dos Rolling Stones, "The Beat Goes On", de Christian Francis-Daives e Jon Keats, sobre a história do Cavern Club, "Oh Les Filles!", de François Armanet, sobre a história das estrelas rock francesas, "Daniel Darc, Pieces of My Life", de Thierry Villeneuve e Marc Dufaud, sobre o vocalista dos Taxi Girl, "Dorival Caymmi - Um Homem de Afetos", de Daniela Broitman, e "Everybody"s Everything", de Sebastian Jones e Ramez Silyan, sobre Lil Peep.

O Heart Beat apresenta também uma sessão especial cine-concerto, com a exibição do filme "Mistérios Negros", de Pedro Lino, musicada ao vivo pelo compositor Philippe Lenzini; e a Cine performance documental "O intendente é um lugar psicológico", de Tiago Pereira.

O Doclisboa decorre 17 e 27 de outubro. A 17.ª edição do festival, que vai dedicar retrospetivas ao cinema da Alemanha de Leste e ao trabalho da cineasta libanesa Jocelyne Saab, será a última com os diretores Cíntia Gil e Davide Oberto.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de