Zero garante: "Já compensa comprar um elétrico" mas falta "banalizar o carregamento"

Associação ambientalista lança esta segunda-feira um portal com informação sobre mobilidade sustentável e um simulador sobre a compra de veículos elétricos.

Chama-se MobZERO e é um portal onde a Zero - Associação Sistema Terrestre Sustentável promete "informar e esclarecer os cidadãos e empresas" sobre a mobilidade elétrica em Portugal com "informação independente" para que as pessoas façam "escolhas informadas".

Assumindo o objetivo de "contribuir para a mudança de paradigma da mobilidade em Portugal", o projeto visa também "acelerar a descarbonização do setor dos transportes".

O site promete um conjunto de ferramentas online para ajudar a perceber melhor o mundo dos veículos elétricos. Uma dessas ferramentas é um simulador que permite uma "comparação entre um veículo 100% elétrico disponível no mercado nacional e os veículos de combustão interna, a gasolina e a gasóleo, do mesmo segmento" ao nível de custos associados à aquisição, utilização e manutenção, não esquecendo as emissões de gases poluentes.

"Procuramos demonstrar que o preço já não é obstáculo", diz à TSF o dirigente da Zero, Francisco Ferreira. "Se fizer as contas e se olhar para os benefícios ambientais, comprar um veículo elétrico neste momento já é compensador", assegura o ambientalista.

O problema é que existe um travão "operacional" que ainda impede muita gente de optar por veículos 100% elétricos: a rede de carregamento. Segundo Francisco Ferreira, "há um enorme número de pessoas que têm desistido dessas compras porque não têm onde carregar o veículo".

Para o dirigente da Zero é necessário "banalizar o carregamento de veículos elétricos e agilizar" a forma como as pessoas poderão carregar os veículos junto das suas casas. "Muitas delas não têm garagem, não vivem em vivendas e precisam de ter essa capacidade próxima para conseguirem fazer um investimento num automóvel elétrico", refere.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de