Francisco Rodrigues dos Santos já escolheu com quem quer trabalhar. Conheça os nomes

Na hora de decidir, 'Chicão' faz uma espécie de síntese entre Ribeiro e Castro e Manuel Monteiro.

Filipe Lobo d'Ávila, um dos nomes adversários de Francisco Rodrigues dos Santos neste Congresso, foi convidado pelo agora líder do CDS para ser o primeiro vice-presidente o partido. O repto foi aceite pelo advogado que se tinha afastado do partido na liderança de Assunção Cristas.

O novo presidente do CDS prometeu "união" e um partido onde "cabem todos" e, no momento da decisão, contactou elementos das várias listas e de diversas fações do partido - dos mais velhos aos mais novos -, o que se reflete numa lista que chega até a antigos nomes ligados a Ribeiro e Castro e Manuel Monteiro.

Miguel Barbosa, Artur Lima, António Carlos Monteiro, Francisco Laplaine Guimarães, Paulo Duarte e Sílvio Cervan são os nomes que completam a lista de vice-presidentes de Rodrigues dos Santos.

Sílvio Cervan trabalhou com Manuel Monteiro e surgiu, no sábado, no Congresso a apoiar 'Chicão', já António Carlos Monteiro, antigo deputado e candidato às Legislativas, mostrou estar ao lado de João Almeida, mas após o convite aceitou integrar a lista de Francisco Rodrigues dos Santos em nome da "unidade".

Para secretário-geral, o novo líder do CDS chama Francisco Tavares, um dos homens que o tem acompanhado na vida política, e que já tinha escolhido para o mesmo cargo na Juventude Popular (JP).

Filipe Anacoreta Correia, que tinha demonstrado o apoio a Rodrigues dos Santos, será presidente do Conselho Nacional e Martim Borges de Freitas é o escolhido para presidente do Congresso.

Os convites em nome da "unidade"

António Carlos Monteiro revela à TSF que foi convidado por Francisco Rodrigues dos Santos, apesar de ter apoiado e votado em João Almeida. "Foi-me dito que, independentemente da pessoa em que eu votasse, e compreendendo ele que eu apoiasse João Almeida, fazia questão que eu estivesse na direção", conta.

Ao agora vice-presidente do partido, Francisco Rodrigues dos Santos pediu colaboração para "encontrar um futuro de unidade para o partido".

(Notícia em atualização)

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de