Pedro Pinto desiste de candidatura a líder parlamentar do PSD

Antigo vice-presidente do partido defende que "há caminhos que não se fazem sozinho".

O deputado e antigo vice-presidente do PSD Pedro Pinto anunciou esta segunda-feira que desistiu de apresentar uma candidatura à liderança do grupo parlamentar, dizendo que "há caminhos que não se fazem sozinho".

Num texto enviado a todos os deputados do PSD e a que a TSF teve acesso, Pedro Pinto diz que, após ter anunciado na semana passada a intenção de disputar com Adão Silva a sucessão de Rui Rio na liderança da bancada, percebeu que a vontade de mudança que sente "colide com o receio que todas as mudanças transportam e com o conforto do conhecido, vencendo assim a audácia de alguns, conduzindo à imobilização de todos".

"A minha certeza da necessidade de mudança, que sei que é partilhada por muitos de vós, mantém-se e não esmorecerá em momento algum (...) Mas há caminhos que não se fazem sozinho. Por isso, decidi não apresentar a minha candidatura a presidente do Grupo Parlamentar", afirma.

Recomendadas

Patrocinado

Apoio de