Governo Sombra

Eles querem, podem, mas não mandam! Ricardo Araújo Pereira, Pedro Mexia e João Miguel Tavares - num programa moderado por Carlos Vaz Marques - são o Governo Sombra. Um governo que não decide. Uma equipa ministerial sem consenso. Um conselho de ministros que convive bem com as fugas de informação. Semanalmente, passam a atualidade em revista, examinam à lupa os dossiês, interpelam os protagonistas sem rodeios.
Domingo, depois das 11h00.

Polémica da Lusa prova que o racismo está "anormalizado", diz Ricardo Araújo Pereira

Ricardo Araújo Pereira diz que o caso que envolveu uma referência racista num take da agência Lusa é mais um problema de jornalismo do que de racismo.

A agência Lusa viu-se envolta em polémica, depois de um dos seus takes ter sido distribuído e republicado com uma referência racista em frente ao nome de Romualda Fernandes, deputada do PS.

Hugo Godinho, autor do texto em questão, terá justificado a presença da nota como uma "referência pessoal" que não deveria ter sido publicada, mas que acabou por passar a revisão na própria Lusa e de ser publicada em pelo menos dois órgãos de comunicação social, o que leva Ricardo Araújo Pereira a considerar que o que aconteceu será "mais um caso de jornalismo do que de racismo".

O incidente levantou uma onda de repúdio generalizado e levou à demissão do editor de Política da Lusa, o que leva Ricardo Araújo Pereira a discordar de quem classificou o sucedido como prova da "normalização do racismo". Pelo contrário, parece-lhe uma prova de que "o racismo está - e bem - 'anormalizado".

A emissão completa do Governo Sombra, para ver ou ouvir, sempre em tsf.pt.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de